1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

CENSO ESCOLAR 2020 APONTA QUEDA DE MATRÍCULAS 650 MIL MATRÍCULAS EM ESCOLAS PÚBLICAS

Por Lucas Silva 02 Janeiro 2021 Publicado em Educação
Votao
(0 votos)
Lido 341 vezes

De acordo com dados do Censo Escolar da Educação Básica 2020, o Brasil perdeu quase 650 mil estudantes de escolas públicas entre 2019 e este ano. Os números foram publicados pelo Ministério da Educação nesta quinta-feira, 31, no Diário Oficial da União. Os índices são anteriores à pandemia de Covid-19 e tem como referência o dia 11 de março.

De acordo com o estudo, em 2019 o Brasil tinha  36.611.223 matrículas na educação básica pública, indo de creches até o ensino médio, considerando também a educação de jovens e adultos. Já em 2020, o Censo Escolar registrou 35.961.237 matrículas, uma variação negativa de 1,7%.

A maior queda registrada foi no ensino fundamental integral dos anos finais (6° ao 9° ano), com 30,4% de redução. Em seguida, o ensino fundamental integral dos anos iniciais (1° ao 5° ano) teve redução de 21,21% no número de matrículas.

Apenas o ensino médio integral teve aumento em suas matrículas (21,51%). O ensino de jovens e adultos (EJA) também reduziu sua quantidade de alunos, se contraindo em 10,15%.

Para Claudia Costin, diretora geral do Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais da Fundação Getulio Vargas (FGV) do Rio de Janeiro, os números podem refletir uma queda na retenção de alunos e não necessariamente menos alunos nas escolas.

“Durante muito tempo, a cultura da repetência foi grande. Os estudantes ficavam retidos e tinha um número maior de alunos no fundamental (anos finais) e ensino médio. Essa tendência vêm diminuindo nos últimos anos. Parte do problema pode ter a ver com isso, não necessariamente significa menos alunos na escola”, conclui a diretora.

Fonte: Jornal Opção