1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

Irã ataca bases dos EUA no Iraque

Por Marcelo Justo 08 Janeiro 2020 Publicado em Mundo
Votao
(0 votos)
Lido 464 vezes
Imagem ilustrativa Imagem ilustrativa Reprodução/G1

O presidente americano Donald Trump reagiu no Twitter, na noite desta terça-feira (07/01), ao ataque iraniano a duas bases que abrigam tropas dos Estados Unidos no Iraque.


"Está tudo bem! Mísseis lançados do Irã contra duas bases militares localizadas no Iraque. Avaliação das vítimas e mortes ocorrendo agora. Até o momento, tudo bem! Temos, de longe, as forças armadas mais poderosas e bem equipadas do mundo! Farei uma declaração amanhã de manhã".


Um militar americano afirmou à rede de televisão CNN que as forças armadas foram previamente avisadas do ataque, e que as pessoas tiveram tempo de se abrigar em bunkers.


Autoridades americanas informaram à imprensa que não há relatos de vítimas dos EUA.


Inicialmente, fontes de segurança do Iraque relataram à CNN que havia vítimas iraquianas. Depois, entretanto, outras fontes do país não confirmaram a informação.


Pouco antes de Trump, o ministro de Relações Exteriores do Irã, Javad Zarif, escreveu, também no Twitter, que "o Irã adotou e concluiu medidas proporcionais em autodefesa".


"Nós não buscamos a escalada [do conflito] ou a guerra, mas nos defenderemos de qualquer agressão", acrescentou.


As duas bases atacadas no Iraque abrigam forças americanas e iraquianas.


Elas foram atingidas por mais de uma dúzia de mísseis iranianos na noite desta terça (7) -- madrugada de quarta (8) no horário local --, numa ação de vingança pela morte do general Qassem Soleimani num ataque de drone americano.


A base aérea de Ain Al-Asad, no oeste do país, é uma das que foram atingidas.


A outra está em Erbil, na região curda do Iraque. A Guarda Revolucionária do Irã assumiu a responsabilidade pelos lançamentos dos mísseis.


Fonte: G1 (Com Adaptações)

00 A Banner WhatsAppecontatos RadioEldorado2